sexta-feira, 7 de outubro de 2011

CARACTERÍSTICAS DE UM SANTO HOMEM DE DEUS - PARTE 1/2


“Eis que tenho observado que este que passa sempre por nós é um santo homem de Deus” (II Reis 4:9)

Os dias de Eliseu eram dias difíceis. Adoradores de Baal, o deus que recebia maior destaque entre os cananeus. Havia fome, Guerras e conspirações monárquicas internas e externas. O cerco de nações pagãs era uma ameaça constante. Foi nesse contexto que surgiu um homem chamado Eliseu. No texto lido há uma referência a Eliseu: “Um santo homem de Deus”. À luz desse texto e da vida de Eliseu registrada no livro de Reis quero alistar dez características de um “Santo homem de Deus”, quais sejam:
PRIMEIRA. Um santo homem de Deus quebra todas as pontes que possibilitem um retorno ao passado (I Rs 19:19-21). O chamado para andar com Deus não tem retorno, não tem volta, é irreversível. A Bíblia elenca vários exemplos. Mateus, os discípulos de Jesus, entre outros. Já a mulher de Ló se tornou um monumento da incredulidade, pois não conseguiu “deixar para trás” a Sodoma que sempre existiu nela. São oportunas as palavras de Cristo: “Quem tem posto a mão no arado não pode olhar para trás”.
SEGUNDA: Um santo homem de Deus tem o seu procedimento testemunhado pelas pessoas. “Vejo que és” (II Rs 4:9). A Sunamita estava vendo, os discípulos de Eliseu estavam vendo, a serva de Naamã sabia, reis sabiam, súditos sabiam, havia um consenso: Eliseu era um santo homem de Deus. As pessoas estão vendo que você é um crente fiel? Seu testemunho tem falado tão alto a ponto das pessoas comentarem?
TERCEIRA: Eliseu era um santo homem de Deus porque seguia um grande modelo: Elias (Veja II Rs 2). A expressão comum no texto é: “Não te deixarei”. Quem tem sido seu modelo? Quem tem sido seu referencial, seu herói? Quem tem exercido influência em sua vida? Um santo homem de Deus sabe a quem segue. “Olhando firmemente para o autor e consumador da nossa fé”.
QUARTA: Um santo homem de Deus não negocia a graça de Deus. Eliseu não aceita o dinheiro de Naamã. Eliseu não vende ministério. Eliseu não se vende. Eliseu não fica refém do dinheiro de Naamã. Lembram-se da oferta feita pelo rei de Sodoma a Abraão em Gn 14:21-23? Assim como Abraão Eliseu era incorruptível.
QUINTA: Um santo homem de Deus crê na intervenção sobrenatural de Deus (II Rs 2;14). Eliseu perdeu Elias, mas não perdeu a fé no Deus de Elias. O verbo do mover de Deus não pode ser conjugado só no passado e no futuro. Deus realiza milagres hoje. 

Pr. Manoel Neto               

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários